quarta-feira, maio 05, 2010

Sem condições


O não desmentido por parte de Paulo Sérgio, da reunião com Costinha, não deixa margem para dúvidas. Aconteceu mesmo. Perante isto, só há duas possibilidades: ou tudo foi feito com o conhecimento e consentimento da direcção do Vitória e aí estamos perante mais um caso de uma lamentável subserviência e desrespeito ao Vitória enquanto instituição e aos seus adeptos (o que prefiro não acreditar) ou então, Paulo Sérgio -lo sem o conhecimento prévio da direcção do clube e, como tal, deveria ter sido imediatamente afastado do comando técnico do Vitória.

Não há meio termo. Perante tamanha falta de carácter evidenciada e face a mais uma falta de respeito para com a entidade patronal e os associados do clube, Paulo Sérgio perdeu todas as condições para orientar a equipa no jogo mais decisivo da temporada. Depois de negociar com um adversário directo na fase decisiva da época, de falar para os adeptos do futuro clube em plenas instalações do Vitória e finalmente após ter aceite uma reunião de planeamento da próxima temporada do seu próximo clube, enquanto se mantém ligado contratualmente ao Vitória, creio que só restaria um caminho à actual direcção do clube. Prescindir da presença do técnico no banco na próxima jornada, por via de uma acção disciplinar. Em defesa da dignidade e imagem do clube. Basílio Marques deveria, por isso, assumir o comando técnico de forma interina no jogo com o Marítimo.

A atitude de Paulo Sérgio, depois de ter deixado bem claro que estaria apenas e só com a cabeça no Vitória até dia 9 de Maio, não pode ser admitida. Como não poderá sê-lo, o "silêncio ensurdecedor" (mas infelizmente, tão habitual) da direcção do Vitória, perante mais este caso verdadeiramente condenável.

8 Comentários:

JoaoSousa disse...

Nada que não se esperasse. Alguém pensava que ele não ia estar já a tratar a próxima época?

O P.Sergio devia ser afastado logo que se soube a sua transferência para o Sporting. Depois temos o episódio de falar para os adeptos do futuro clube; mais uma razão para o afastar imediatamente. Não aconteceu e continuamos as brincadeiras...

Numa altura em que lutávamos pelo 4º lugar, o scp logo o conseguiu garantir com esta manobra! Veja-se a diferença para a situação Nacional - MMachado. Mal começaram os rumores veio logo o Rui Alves para a imprensa!

5/5/10 10:00
Ricardo Lopes disse...

Paulo Sérgio considerado pela maioria dos adeptos do Vitória, com estas lamentáveis atitudes conseguiu ganhar o desprezo dos vitorianos. Que vá e não volte.

5/5/10 10:52
luis cirilo disse...

Inteiramente de acordo.
Mas o sr paulo sergio so fez tudo isto porque sentiu as costas quentes.
Sabia que da parte directiva a unica coisa que interessava era o dinheiro do Sporting.
A dignidade do Vitoria,neste como noutros casos,era um valor menor.

5/5/10 11:51
ingles disse...

isto e normal os vitoria so falam na net e nos cafes

5/5/10 12:04
José M.Pereira disse...

Estou totalmente de acordo com o Luis Cirilo. Não tenho qualquer tipo de informação que sustente o que vou afirmar mas, pela aragem, o encontro do Paulo Sérgio com o Costinha era de conhecimento prévio da Direcção do Vitória. Se a Direcção, que uma vez mais, profanou as instalações do Vitória em dar anuência ao Paulo Sérgio para se dirigir aos adeptos sportinguistas na NOSSA Sala de Imprensa, uma reunião de trabalho para programar a próxima época, num dia de folga, é um mero pormenor.

5/5/10 12:23
Benedictus disse...

É muita "burrada" junta, mas nada a que esta gente já não nos tenha habituado. Já que lhes foi dado o "aval" no dia 20 de Março, agora que remédio temos senão aguentarmos a bronca em que nos fomos meter.

O que me preocupa mais é aquilo que ainda está para vir, o que ainda irá acontecer nos três anos que se seguem. Se em dois meses foram capazes de meter os pés pelas mãos um sem número de vezes, da maneira mais ingénua e inocente que poderia haver, então é caso para perguntar o que será do Vitória e dos Vitorianos no próximo triénio, pois já está á vista de todos que esta gente não só não aprende nada com os seus erros como nem sequer tem a humildade e hombridade de admitir que errou.

Temo pelo futuro do Vitória, pela sua construção de forma estável, saudável e sustentada. Este folhetim foi apenas o primeiro da "silly season", sendo que a procissão ainda nem no adro vai.
Cheira-me que este defeso que se avizinha vai ser um banzé do caraças aqui para os nossos lados, e não nos vão faltar casos e polémicas para comentar.

A ver vamos, se o tempo me irá dar razão ou não.

5/5/10 14:02
miguel disse...

Estou totalmente de acordo com Vimaranes. E depois do que vimos em Vila do Conde, acho até que a equipa teria mais rendimento com Basílo Marques. Neste jogo era importante que os jogadores dessem tudo pela participação na Liga Europa. Os que ficam porque vão ser beneficiados com isso, e os que vão sair por respeito e agradecimento a quem lhes deu a oportunidade de fazer parte de um clube como o nosso!
Esta Direcção não nos dignifica e não tem orgulho do clube.

5/5/10 15:52
vitor...iano disse...

Infelizmente esta é só mais uma das trapalhadas desta direcção... esperando que o vitória consiga a uefa, o que se avizinha não será nada bom... cheira-me que logo após o final da temporada mais episódios destes surgirão com a contratação do novo treinador.
Esta direcção é RIDICULA !

5/5/10 15:56