domingo, novembro 04, 2012

João Ferreira "agarrou" o jogo

Sport Lisboa e B 3-0 VITÓRIA 

@TVI

Há formas e formas de agarrar os jogos. Segurá-los. Impedir que os mesmos possam sair do trilho que os de sempre entendem como o certo, mesmo que se atropele uma tal de "verdade desportiva". Há militares e militares, mas quase todos defendem a sua dama. Seja ela o país ou o poder instalado. Os mais desconfiados já podiam imaginar o que se poderia passar (os da casa já não perdem para o campeonato com o militar desde 2006), mas os inocentes que vão a todas ainda esperavam que o de sempre não se repetisse. Mas convenhamos, até para distorcer a verdade é preciso arte, para não dar muito nas vistas essencialmente.

O amarelo a Defendi ainda na primeira parte, depois de perdoados por lances piores a Salvio (simulação) ou Carlos Martins e Garay por faltas duras, era o primeiro indicador de como se vai desequilibrando a balança. Mas o "melhor" estava guardado para a segunda parte. A ânsia de segurar o jogo, evitando que o adversário fizesse parte daquilo que tinha feito na primeira e resolver de uma vez o encontro, aproximando-o daquilo que um jornal nacional vaticinava, provocou a marcação da grande penalidade da praxe. Estava feito o essencial, e só foi pena que aquele que uma vez foi célere a ver repetições em câmaras alheias não o tenha feito ontem. O jogo ficava resolvido logo ali, a abrir a etapa complementar e a partir desse momento o Vitória entregou por completo os pontos, incapaz de reagir, não só por culpa própria mas porque o 2-0 dava poucas hipóteses de qualquer reacção.

Claro que há também erros vitorianos que aceleraram esta derrota. Impensável a forma como se sofre o primeiro e o terceiro golos, por erros defensivos primários e que custam caro frente a equipas com mais e melhores opções. "Imperdoável" também a forma como Toscano - um dos melhores - em frente a Artur na primeira parte e com 0-0 desperdiça o primeiro da noite. Num jogo onde o Vitória sabia que não teria grandes ocasiões, desperdiçar uma daquela tamanho, só pode custar pontos.

Mas, voltando ao início, para distorcer a verdade também é preciso arte. E depois de decidir o jogo com a grande penalidade do costume, há sempre formas de tentar disfarçar a inclinação do campo. A expulsão de André Gomes é tão evidente como justa, mas sejamos claros... apenas acontece porque o resultado estava em 3-0 e com 70 minutos de jogo. Assim é mais fácil, nós sabemos.

No fundo, só houve algo que não correu conforme previam os do costume. Os "orgasmos múltiplos" do jornal habitual (ou até de outros comentadores televisivos) tiveram de ser mais controlados porque o seu "glorioso" ficou a um golo daquilo que pretendiam. Quanto ao Vitória, sábado há mais campeonato.

No fundo, e no palco do costume, foi feito o pleno. Depois de ter sido prejudicada a equipa B, ontem foi a vez da A. É caso para dizer, se mais houvesse...

Fique já agora com a foto dos "heróis" que se deslocaram ontem ao estádio da Luz, que tirei ontem do posto de reportagem da Rádio Fundação já no final da partida.



4 Comentários:

José Lafuente disse...

Tal como se previa fomos "abafados" (pelo adversário e o Ferreira) logo à saída da nossa área, e só por 3 vezes, conseguimos esticar o nosso Jogo. Se naquele lance do Toscano, fizéssemos o golo, ai tudo poderia ser diferente. Logo a seguir sofremos o 1º golo, onde o Alex, em vez de estar a marcar o John, está quetinho na área (poderia fazer o lugar do N´Diaye, que lhe foi fazer a dobra, mas não ficou parado paradinho).
Depois na 2ª parte, com aquele penalty escandaloso, acabou o Jogo. Fomos pouco "agressivos" na luta pela bola, e muito previsíveis e lentos nas transições.
Houve muitas exibições abaixo do esperado. O Alex e o Addy defenderam mal, o André quase não se viu. Demasiado macios.
De positivo apenas as exibições o Defendi, e o Ricardo, e os Vitorianos que estiveram em grande no Galinheiro.
Quanto ao resto, sempre fomos espoliados, e vamos infelizmente continuar a ser.

4/11/12 17:10
José Silva disse...

Pareceu de facto uma arbitragem "tendenciosa" para o lado do costume. Mas ainda mais "estranho" que isso foi a reacção do comentador da Sporttv (benfica tv 2 pelos vistos) à expulsão. Fartou-se de repetir a palavra "Ridículo(a)". Uma expulsão que se fosse ao contrario apelaria o nosso jogador de animal ou assassino ou algo parecido, tal como já ouvi várias vezes ser dito nesse canal.

Quanto ao jogo em si, não merecemos sair de lá com pontos, mais uma exibição à Rui Vitória.

Mas como sempre disse, temos uma liga de M... e só com uma nova catástrofe voltamos a descer. Temos equipa para muito mais, mas só com novo treinador.

4/11/12 21:15
José Paulo Cardoso disse...

Meus caros, isto é que é a verdadeira "verdade desportiva"! É por estas e por outras que a mim não me apanham nem mais um cêntimo que seja, para ir ver os jogos fora. Quanto à benfica tv 2, palpita-me que ainda vão chegar a acordo para a transmissão dos jogos na "capoeira". Incrivel, até na "pedreira" já se marcam penaltys "á benfica"!

5/11/12 08:54
Miguel disse...

Exibição franquíssima do Vitória (mais uma) a meu ver graças ao sr. Rui Vitoria. Temos uma equipa razoável e a obrigação de jogar mt mais futebol. Os jogadores n conseguem fazer troca de bola nem ter posse de bola, n fazemos 3 passes seguido. Futebol à imagem do treinador de futebol prá fente!!! Perdemos pq n jogamos pra ganhar, o lisboa b nem precisou de acelerar. A reestruturação do Vitória merecia para treinador principal o regresso de Manuel Cajuda!!! Precisamos de 1 treinador experiente, que goste de jovens, que tenha capacidade de moralizar a equipa, que seja bom tacticamente, que saiba decidir uma partida no banco, e que ponha este conjunto de jogadores a jogar 1 futebol agradável e de ataque. Alguém me explica o pq do Barrientos ter deixado de jogar? E se não é opção na equipa A pq n ganha forma na B? Isto cheira-me a birra de treinador a querer queimar o jogador, como ja fez com outros tantos!!!! Eu n entendo como alguem consegue defender Rui Vitoria. O Vitória tem o quinto maior orçamento do campeonato portugues e o treinador diz q n traça objectivos?! O árbitro do jogo da luz foi o que menos interessou pois damaneira fraca como o lisboa b tb jogou se temos entrado para ganhar iria-mos tirar dividendos, no minimo teria-mos dado mt mais replica ao adversario.

5/11/12 11:48