quinta-feira, novembro 29, 2012

O rol de asneiras, e o presente e futuro do Vitória


 
Depois de mais umas declarações absolutamente “aberrantes” de um ex-Vice para a área financeira do Vitória, eis que o “chefe” desse anterior Vice, dias volvidos teve o mesmo tipo de declarações lastimáveis! Mostrou portanto mais uma vez, que para além de “incapaz e incompetente”, foi para usar uma expressão que muita gente entende “anjinho”, pois segundo ele e passo a citar “confiei em algumas pessoas”, e “Fui apunhalado pelas costas no final forçado do meu mandato, alguns que estavam e estão nos corpos sociais, outros que estão no clube”.
 
É então que me questiono, não foi esta mesma pessoa que saiu do Vitória em 2005, porque segundo o Presidente à época, havia “pessoas, que estavam a servir-se do Vitória Sport Club em vez de servirem o Vitória Sport Club”!? Pois é, foi mesmo ele! Este é portanto, o mesmo ex-dirigente que já “apunhalou no passado”, e que viu anos volvidos, “o feitiço virar-se contra o feiticeiro”! Continuando as suas declarações, este ex-dirigente, afirma que os seus “únicos” erros desportivos, foram apenas o de contratar Jogadores (poucos segundo ele), que não foram “felizes” no Vitória.
 
Mas fazendo a constatação, chega-se a factos que nos dizem que ao contrário do que diz, não foram poucos, foram bastantes, e de qualidade muito duvidosa, basta relembrar estes nomes: Márcio Martins, Radanovic, Carlitos, Felipe, Paulo Henrique, Wénio, Jean Coral, Douglas de Oliveira, Santana Carlos, Cícero, Tiago Alencar, Mendieta, Leandro Silva, Milhazes, Ostolaza, Tony, William, Jorge Ribeiro, João Pedro, Renan Silva, Maranhão, Saucedo, Molina, Urreta, entre outros jogadores pagos a peso de ouro (N´Diaye, Freire, João Alves, Crivellaro, Marcelo Toscano, e até Barrientos e Soudani que pese embora qualidade que possa apresentar, foram também eles jogadores demasiado caros para um Clube que já por si tinha muitas dificuldades financeiras), e que vieram ganhar para o Vitória bem mais que os salários que deveriam, e com contratos de longa duração. Com estes erros, prejudicou-se de forma onerosa o Clube a nível financeiro, mas por outro lado, o ex-dirigente viu ao que se consta, as suas construções ser habitadas, uma situação porventura bem mais importante que o estado financeiro do Clube.
 
Da famigerada “colagem” ao Lisboa e B, não se ouviu nada da boca deste ex- dirigente, que realizou um “protocoi” que nada trouxe de positivo ao Vitória, bem pelo contrário como sabemos. Do PEC mal redigido pela sua Direção, apenas se visualiza, que é a eles que o Clube “deve o atual PEC”. E sobre os feitos nas modalidades amadoras regozija-se, dizendo” tivemos os anos de maior sucesso. Isto é má gestão”? E é então que me lembro, que esse ex-dirigente, disse que “nunca foi a um balneário das modalidades amadoras”, e que apenas se viu no Pavilhão, quando o Vitória se sagrou Campeão Nacional de Voleibol, mercê do muito trabalho feito (e que continua a ser realizado), pelos então Diretores, Jogadores e Staff desta modalidade, e de outras como o Basquetebol por exemplo! Vangloriar-se com o muito serviço, esforço e sacrifício de outras pessoas é feio Senhor ex-dirigente! Mas esta é sem dúvida a mesma pessoa, que afirmou que até ao final do seu mandato, “ o Vitória veria os seus problemas resolvidos”.
 
A mesma que afirmou em meados de 2009, que o Vitória Sport Club, veria o “seu passivo desaparecer”, mas que na verdade viu sob os seus 5 anos de má gestão, aumentar em cerca de 16 milhões de euros, um número absolutamente astronómico, e que colocou o Vitória no abismo, bem perto de fechar as portas. Após tudo isto, é com agrado que se vê essa pessoa, afirmar que “Exijo que façam uma auditoria às contas para se acabar com as constantes suspeições que lançam sobre mim”. Se esta situação já era inevitável para muitos dos associados do Vitória, de forma a se apurar responsabilidades da gestão danosa que a anterior Direção efetuou no Clube, ver essa pessoa a “reptar” o atual elenco diretivo a faze-lo, só pode ter um desfecho, fazer-se de forma célere a auditoria, e condenar-se severamente os responsáveis pelo atual estado calamitoso que vive uma grande Instituição Desportiva do País.
 
Um Clube que conta com 90 Anos de muitas Histórias de fervor, paixão e amor, um sentimento que os Vitorianos e Vimaranenses espalhados pela Cidade-Berço, por Portugal e mesmo por todo o Mundo, sentem com orgulho pelo seu Clube. Mas do ex-dirigente, ainda se lê isto “Fui tão humilhado, tão enxovalhado, que ainda não tive coragem de voltar a ver um jogo no estádio”. Meu caro, se nada tem a temer, porque não aparece ao Estádio D.Afonso Henriques? Será por falta de associativismo, por falta de paixão, ou pela consciência de todo o mal que fez ao Vitória Sport Club!? Na minha opinião, é “um muito de tudo”. Mas para os Sócios do Vitória, fica aqui bem explícito mais uma vez, que após os dirigentes deixarem o Clube, deixam de participar ativamente na vida dele, pois o mesmo já havia acontecido com os dois anteriores presidentes.
 
Na entrevista a este ex-dirigente, há no entanto uma ressalva importante e que me faz pensar. É o porquê de estarem a exercer funções no Vitória, as mesmas pessoas que elaboraram o PEC mal redigido? O porquê de estarem a trabalhar no Vitória, as mesmas pessoas que na Suíça contribuíram para o agravamento financeiro do Clube, e que deveriam ter alertado os associados, que o Vitória estava perto do colapso financeiro? Será por trabalharem gratuitamente, e ao mesmo tempo serem um dos credores do Vitória!?
 
Há situações que não se compreendem, e para as quais haveria por parte da atual Direção, de serem bem explicadas, de forma a que os Vitorianos fiquem mais esclarecidos. Voltando e para finalizar ao “ex-dirigente”, só espero que dá próxima vez que ouça o nome dele, que seja para ter a confirmação, que já não é mais associado do Vitória Sport Club, pois é dessa forma, que serão dissipadas as dúvidas, que a anterior Direção teve uma gestão ruinosa para com o Clube que amamos! E aí poderá finalmente ser feita justiça, que se diz que tarda mas não falha! Enquanto isso não acontece, o Vitória vai tentando “sobreviver”, e os associados aprovaram uma SAD (eu nunca fui apologista deste modelo no Vitória, mas neste momento, parece-me ser a última hipótese em cima da mesa, ainda que os sócios pudessem ter tido mais tempo para decidir, e pudesse ter havido mais informação), com a esperança que a nível financeiro o Clube ganhe “fôlego” financeiro.
 
Apoiando-se ou não, este foi o rumo que foi aprovado em assembleia-geral, e o caminho é só um, o de ir “à luta”, e não vermos o grande Vitória Sport Club terminar! A SAD será feita, mas agora bem o mais complicado para a atual Direção, o de procurar um investidor, ou um grupo empresarial forte e credível, pois sem isso, o Vitória dificilmente conseguirá sobreviver. É que esperar que todas as ações sejam compradas pelos sócios é estar a “desperdiçar” tempo e dinheiro, e não solucionar esta difícil situação. Só acionistas (porventura do exterior) com muito dinheiro é que poderão ajudar a resolver estes graves problemas financeiros. Será que estes investidores serão encontrados? Não me parece nada fácil, mas há que procura-los para bem do Vitória.
 
Ainda assim, e mesmo que sejam encontrados, seria bem melhor, que o Vitória fosse detentor de mais de 50% do capital da SAD, o que se espera que seja uma realidade, pois assim os interesses do Vitória ficariam bem mais salvaguardados. A ver vamos o que surgirá e acontecerá, mas o Vitória Sport Club, ganhando ou perdendo, jogando bem ou mal, faz-nos chorar de alegria, e está sempre no nosso coração, e isso jamais poderá será perdido por um Vitoriano! Força Vitória, todos juntos haveremos de vencer este momento difícil!
 
Por José Lafuente

10 Comentários:

José Silva disse...

Não há... Nunca houve... Nem vai haver qualquer Investidor.

_____ R.I.P. V.S.C. ______
Em honra de todos os que
votaram nesta direcção e
na opção SAD ( triste )
__________________________

29/11/12 14:00
ricardo sempre disse...

Mas tens uma solução melhor José silva?
Ou pertences aqueles que dizem a frase mitica. "eu bem disse"

29/11/12 17:41
Ricardo Silva disse...

Enorme e brutal artigo de opinião meu caro José Lafuente,os meus sinceros parabéns pela clareza e ate investigação!Estou de acordo,todos juntos vamos conseguir sair desta situação e quando isso acontecer de certeza estaremos mais fortes que nunca!!!So mais um aparte...Nao ligues a certas bocas caro Ricardo,todos juntos os VERDADEIROS VITORIANOS vamos conseguir!Ja sabemos com quem não contamos,com aqueles que em nada acreditam,mas esses nao sao verdadeiros!Abraço

29/11/12 23:07
Ricardo Silva disse...

Enorme e brutal artigo de opinião meu caro José Lafuente,os meus sinceros parabéns pela clareza e ate investigação!Estou de acordo,todos juntos vamos conseguir sair desta situação e quando isso acontecer de certeza estaremos mais fortes que nunca!!!So mais um aparte...Nao ligues a certas bocas caro Ricardo,todos juntos os VERDADEIROS VITORIANOS vamos conseguir!Ja sabemos com quem não contamos,com aqueles que em nada acreditam,mas esses nao sao verdadeiros!Abraço

29/11/12 23:07
José Paulo Cardoso disse...

Já repararam bem no comentário do "badameco" acima!? Se eu fosse administrador do blogue, jamais esse comentário apareceria. Acho que é uma ofensa a todos os verdadeiros vitorianos! E por aqui me fico....

30/11/12 14:05
marco sousa disse...

José Silva tun es vitoriano dexertexa para dixeres ixo


Vitoria Sempre
Kings Crew Sempre

1/12/12 14:50
marco sousa disse...

José Silva n es vitoriano de certexa senao n dixias ixo ...

VITORIA SEMPRE

KINGS CREW SEMPRE

1/12/12 14:51
jacgwa disse...

Luís Cirilo foi constituído arguido no "caso saco azul" do Vitória de Guimarães e deixou, ontem mesmo, o cargo de governador civil de Braga. "Afirmei, desde o primeiro o momento, que não aceitaria representar o Governo debaixo da mínima suspeita. Está em causa o seu prestígio e não poderia, de forma alguma, continuar em funções", afirmou em conferência de Imprensa.

"Há cerca de 15 dias a Polícia Judiciária contactou-me e informou-me que teria de prestar determinadas declarações. Disseram-me ainda que, provavelmente, seria constituído arguido, o que sucedeu esta semana. Mas esta manhã [ontem] ligou-me a secretária do sr. ministro [da Administração Interna] a pedir-me que não me esqueça de enviar a carta [de demissão], que o sr. ministro ia pôr o caso em Conselho..."

E qual será a implicação neste processo do ex-secretário-geral do clube vimaranense? Os dados já noticiados aquando da detenção de Pimenta Machado em Dezembro alertam para o facto de ter estado presente na escritura pública para venda de um terreno que pertencia ao Vitória. Foi vendido a um construtor de Fafe, mas em causa estão as actas de uma Assembleia Geral que autoriza a venda do terreno. São as actas do famoso borrão, denunciadas pelo sócio Domingos Miranda. Quanto a sacos azuis, Cirilo teve uma intervenção pública deste teor: "Nos partidos também existem sacos azuis.

1/12/12 17:17
ricardo barbieri disse...

Pronto,so ca faltava mais um para a caça as bruxas...Podias era dizer onde para esse verdadeiro herói da nação vitoriana,domingos miranda,um dos maiores canastroes que vi ate hoje!!!De resto o costume,tambem no meu grande VITORIA ha adeptos nojentos!!!Ou seras aquele que mencionaste.......???

1/12/12 22:44
jacgwa disse...

LOl, ficas te ofendido por ter colocado esta noticia do jornal record?
Não me digas, és amigo do Cirilo!!!!
Esta é a verdade meu caro.
Quanto ao, seras aquele que mencionaste, não estou a perceber onde queres chegar, mas se for preciso digo-te quem sou, é só me dares o teu contacto que eu ligo-te.

3/12/12 17:43