quinta-feira, dezembro 20, 2012

Faltou um bocadinho assim

VITÓRIA 0-0 Sporting CB


Poucas vezes terá tido o Vitória, nos últimos anos, um dérbi no qual dispôs de tantas e tão boas ocasiões de golo. Na noite de ontem, e perante uma plateia em número perfeitamente desolador, o Vitória teve mais de uma mão cheia delas, entre lances perdidos por demérito do sector ofensivo vitoriano, pelo mérito do guardião adversário ou até mesmo impedidos pela trave.

Os "miúdos" do Vitória enfrentaram de peito feito o rival e não fosse a ineficácia - outra vez ela! - e o Vitória teria dado um passo determinante rumo às meias-finais da competição. Mas atenção. Não o conseguiu por acaso, consegui-o com a atitude que gostamos e com a qualidade que já tínhamos visto nos dois jogos anteriores. Nem o contratempo com a lesão de Alex fez mossa na equipa, pelo contrário. Permitiu que o estreante Kanu mostrasse a sua enorme qualidade. Não, não tem apenas nome de jogador. O miúdo tem pinta e espera-se que tenha sido apenas uma primeira amostra da aposta nos jovens que estão a brilhar na equipa B. Há razões para acreditar no presente, mas há razões ainda maiores - do tamanho do talento destes "miúdos" - para confiar no futuro.

Quanto ao jogo, pouco mais há a dizer. O Vitória foi melhor e teve as melhores oportunidades da partida, resumindo o adversário à posse de bola mas quase sem progressão. Infelizmente, deu-se melhor a equipa a jogar contra 11 do que contra 10.

Não deu para ganhar, é verdade, mas tal só aconteceu porque a ineficácia, tal como na Mata Real, foi um pecado capital. O mês de Janeiro será duro, com saídas confirmadas e outras que podem também vir a ser. Faltam as "entradas". Os retoques que podem ser necessários e o aproveitamento dos jogos da segunda equipa. Para que, no "mata-mata" de 16 de Janeiro, o Vitória possa sorrir. Mas... por favor, que tudo seja feito, por parte de todos, para que nesse tira-teimas, os vitorianos acorram em massa ao estádio do Rei. Esta equipa merece, bem mais, do que aquilo que eles lhes ofereceram ontem.

4 Comentários:

José Paulo Cardoso disse...

Grande jogo do nosso Vitória! Grande jogo de Kanu! Para primeira vez, esteve muito bem não se amedrontando com as "feras". Só peço que no próximo dia 16 não enviem outro "apitador" vesgo como este. Tem de ser um caso clinico. É que o homem vê mesmo mal...!

20/12/12 14:16
José Lafuente disse...

Os de lá da Morreira, com 29 mil Vitorianos nas Bancadas "tremem" que nem varas! Ontem fomos muito poucos, mas puxamos sempre pela Equipa. Na Poente inferior estava eu e para ai mais 50 Vitorianos, mas foi sempre a puxar pelo Vitória, e pusemos aquela cabeça do Peseiro e companhia num "bolo".
Enxovalhei ao máximo aqueles otários, e o fiscal de linha, que apenas marcou a falta que originou a expulsão do jogador adversário!
Com um Inferno Branco vamos "abafa-los, tudo se tornará mais fácil!
Dia 16 muito da eliminatória depende de nós!
Quanto ao jogo, um resultado mentiroso! Fomos superiores, e o momento menos bom do Vitória, foi quando o adversário ficou com 10. Perdemos "agressividade" e ficamos algo "desnorteados". Mas 15 minutos volvidos, voltamos a "pegar" no jogo, e não chegámos ao golo por manifesta infelicidade!
Quanto ao Kanú,(parece que finalmente "tirámos" um jogador de qualidade aos lá da Morreira) , fez um bom jogo, para quem fez a estreia e logo num derby, mas teve algumas falhas. Deu alguns espaços nas costas (estava a fechar muito por dentro), que não podiam acontecer, se reparamos eles apenas atacavam pelo lado esquerdo, com o Mossóro e o Ismaily e ganharam mesmo 3 ou 4 cantos pelo lado canhoto.
Mas claro que é natural, é ainda jovem, e estava um pouco nervoso! Mas no geral gostei, e teve 3 a 4 boas incursões no ataque, e combinou bem com o Ricardo.
Quanto ao Rui Vitória, fez o que tinha a fazer nas substituições. O Barrientos estava desgastado, e o Marco Matias naquela fase estava inconsequente. Na dupla de médios não podia mexer, porque o adversário, é muito experiente, tem uma excelente circulação de bola, e mesmo com 10 a sair nas transições é perigoso. Logo era preciso ter o duplo-pivô. E o Olímpio e o André fizeram uma grande partida, e "chegaram-se" muitas vezes a zonas ofensivas.
Ontem, fizemos 75 minutos muito bons, e 15 maus, logo o saldo é claramente positivo, e dava muito bem para vencer a partida!

20/12/12 14:26
MS disse...

Não há dúvida de que o cenário da plateia foi desolador. Mas também é desolador passar pelas instalações da Segurança Social às 07h30 e ver a imensa fila de pessoas que se começa a formar para a abertura às 09h00. Esta analogia serve apenas para mostrar que a tendência dos jogos do Vitória em casa, sempre que se exigia uma quantia que ultrapasse o valor da quota, será essa: pouco público. É que são mais 5 euros e, nos tempos que correm, com o Natal à porta, essa quantia dá (tem de dar) para muita coisa. Contudo, por aquilo que a equipa tem vindo a produzir, creio que, para a taça, o estádio estará mais bem composto. Para terminar, convém que a Direção do Vitória esteja (bem) atenta aos números de espectadores apresentados ontem. É preciso galvanizar novamente as gentes de Guimarães. À parte do Cirilo, que o fazia nas redes sociais, não estou a ver quem o faça. Claro que, se a equipa jogar bem e ganhar, é meio caminho andado. Mas, no final de contas, tudo se resume a "primum vivere deinde 'futebolare'".

Saudações vitorianas!

20/12/12 16:07
ricardo sempre disse...

Fomos muito grandes, como dizia por aqui o "Ricrado Silva" força Bravos.
Luis Cirilo tinha dito "esta equipa tem margem de crescimento brutal" neste jogo ficou bem patenteado.
Vi momentos no jogo de vulgarizar o rival com toque de bola a fazer lembrar Nuno Assis.
Alguem tinha comentado por cá "não percebo porque ainda acreditam nesta equipa" pois bem, este jogo deu a resposta certa.
Quanto aos adeptos, só posso dizer que EU FUI, vou sempre, EU FAÇO PARTE!
Parabéns a toda a equipa, foram fantásticos.
FORÇA KANU AGARRA O LUGAR!

21/12/12 09:13