sábado, agosto 23, 2014

Juventude que entusiasma! (3-0)



Ponto prévio. Foram jogados apenas dois encontros e, ter a noção do que ainda aí vem, dos obstáculos que serão precisos ultrapassar e dos dias que ainda virão de desilusão, é meio caminho andado para saborear de forma mais real este arranque que ultrapassa as expectativas.

Ontem, no intervalo do jogo, um adepto confidenciava aos microfones da rádio que a equipa podia não estar a fazer uma grande exibição mas que tinha dado tudo o que tinha. Ora, é isto que sempre exigimos. O Vitória continua a ser composto por um plantel jovem, mas capaz de lutar sempre e até ao fim por um resultado feliz. Rui Vitória dizia que gosta de ter no plantel jogadores que "querem subir na vida" e essa ambição está patente em cada jogada.

Este Vitória, é irreverente. A irreverência própria de uma juventude com ambição de triunfar. É alegre. Com a alegria que se pede a quem está a dar os primeiros passos no futebol. Olhar para a ficha de jogo de ontem e comparar com a ficha de jogo do último Vitória B - Benfica e Castelo Branco, e ver tantos jogadores que ainda há poucos meses jogavam no Campeonato Nacional de Seniores, é um motivo de orgulho. 

Este Vitória está a crescer. Ou melhor, continua o processo de crescimento que a crise obrigou. E ao longo dos últimos anos temos mostrado que formar, vender e voltar a formar é o único caminho possível para voltarmos a ter o Vitória ao nível do que pretendemos.

Confesso que, mais importante que os dois triunfos e os seis golos marcados, é olhar para este jovem Vitória e perceber que há ali jovens que, como cada um de nós cresceu neste clube. Acreditou que era possível alcançar o mais alto nível e conseguiu. E outros que, chegados dos mais variados cantos do país ou até fora dele, encontraram no Vitória, o clube certo para crescerem e se projectarem.

Ontem, foi mais uma lição de qualidade mas, e é isso que impressiona, de maturidade de um Vitória que está bem e se recomenda e que os mais de 14 mil nas bancadas de ontem souberam brindar com o aplauso merecido. A nossa tentação é destacar a exibição de um ou outro jogador, mas hoje e mais a frio, deixem-me destacar o colectivo. Esse sim, me entusiasma. E enquanto jogar de peito aberto, com esta raça e vontade, nenhuma derrota me vai fazer desesperar, do mesmo modo que nenhum triunfo nos deverá fazer embandeirar em arco. Venha o Belenenses!

Veja o álbum de fotos do encontro de ontem na nossa página do facebook em: https://www.facebook.com/ovimaranes.blog.

0 Comentários: